Análises

Kill la Kill: IF – Análise – Excêntrico e simples

A Arc System Works aposta na irreverência. Um jogo simples, mas com…

Continue reading

Nvidia GeForce RTX 2080 Super – Análise – Evolução, não revolução

Depois de dois lançamentos da Super nos inícios de Julho, a Nvidia completa agora o trio com…

Continue reading

Fire Emblem: Three Houses – Análise – Passos de gigante

A série evoluiu sem prescindir dos seus maiores valores. Um RPG táctico…

Continue reading

Blazing Chrome – Análise – Contra-corrente

Não é feito pela Konami mas parece. Acção 2D retro-beligerante, inspirado na…

Continue reading

Marvel Ultimate Alliance 3 – Análise – O regresso do Berserker Barrage

Marvel Ultimate Alliance 3: The Black Order é a tão desejada sequela da propriedade que esteve adormecida…

Continue reading

F1 2019 – Análise – Jovens pilotos

Após um largo período de desenvolvimento da marca F1 através do cunho de Bernie Ecclestone, a transição para a…

Continue reading

Judgment – Análise – Há mais vida em Kamurocho

A Ryu Ga Gotoku Studio da SEGA apresentou 4 jogos em 3 anos numa admirável tentativa de encerrar a…

Continue reading

Samurai Shodown – Análise – Lâminas afiadas

Depois de King of Fighters XIV (2016), a SNK regressa a uma das mais famosas séries de fighting games…

Continue reading

My Friend Pedro – Análise – És tu, Deadpool?

My Friend Pedro foi uma bela surpresa – o jogo passou inteiramente por baixo do meu radar mas já…

Continue reading

Crash Team Racing – Nitro Fueled – Análise – com a língua de fora

Vivemos uma boa altura para os fãs de jogos de corridas arcada de karts. Depois de Super Mario Kart…

Continue reading