Final Fantasy 7 Remake sofrerá problemas de stock devido à COVID-19

Square Enix diz que nem todos conseguirão uma versão física.

A Square Enix confirmou que Final Fantasy 7 Remake não será adiado, mas sofrerá problemas de stock fora do Japão devido às dificuldades causadas pela pandemia COVID-19.

Final Fantasy 7 Remake será lançado em formatos físico e digital a 10 de Abril para a PlayStation 4, mas com o fecho das lojas em diversos países do mundo, especialmente na Europa e América, em conjunto com inesperados desafios na cadeia de distribuição, serão sentidos grandes problemas de stock nas lojas físicas.

Num novo comunicado oficial, a Square Enix confirma que o lançamento está assegurado, mas que nem todos vão conseguir comprar a versão física.

“Devido às circunstâncias extraordinárias que o mundo está a enfrentar com a pandemia COVID-19, queremos actualizar-te sobre como isto afectará o lançamento de Final Fantasy 7 Remake,” diz a companhia.

“A nossa primeira prioridade é o bem estar e segurança dos nossos fãs e clientes, tomando em conta as recomendações dos governos regionais e da Organização Mundial de Saúde.”

O lançamento mundial de Final Fantasy 7 Remake a 10 de Abril seguirá em frente. No entanto, com as mudanças inesperadas na distribuição e retalho, que varia ao longo de vários países, é cada vez mais provável que alguns de vós não conseguirão a sua cópia do jogo na data de lançamento.”

“Estamos a monitorizar a situação a cada dia e a trabalhar com os nossos parceiros, lojas e equipas da Square Enix na Europa e Américas para fazer tudo o que podemos para assegurar que o máximo possível de jogadores pode jogar o jogo a 10 de Abril.”

A Square Enix actualizará a situação a 20 de Março e partilhará mais informações.

A versão digital não sofrerá qualquer alteração perante esta falta de stock.

Share

Leave a Reply